Idioma: PortuguesEnglishSpanish
Idioma: PortuguesEnglishSpanish

Datas de pagamento do IPVA por final de placa

O ano de 2021 já começa com muitas responsabilidades, principalmente se elas envolvem os tributos e impostos a serem pagos. O IPVA está incluso em uma dessas pendências e, por isso, a maior parte dos motoristas quer saber qual a data do pagamento, para evitar possíveis dores de cabeça, caso haja algum atraso.

É válido ressaltar que cada estado tem uma data definida para a quitação da taxa e, por isso, será preciso que os condutores estejam atentos aos sites de suas respectivas regiões. Veja, abaixo, as datas de pagamento do IPVA por final de placa e outras informações que podem ser relevantes.

Para que serve o IPVA?

O IPVA nada mais é do que a abreviação de Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores. Ou seja, é um imposto estadual cobrado anualmente, onde o valor pago irá depender de cada estado. Na maior parte dos casos, pode variar entre 1% ou 6% do valor total do veículo, tomando como base a Tabela FIPE.

O imposto poderá atingir todos os condutores que possuem um carro ou uma moto. O recolhimento é realizado de forma que, cerca de 50% de todo o valor arrecadado, deve ser destinado ao município onde o veículo foi licenciado. O restante segue diretamente para os cofres públicos, podendo, ou não, ser aplicado em áreas como saúde e educação.

Como o pagamento do IPVA pode ser efetuado?

Para que você possa realizar o pagamento do seu IPVA, será necessário estar com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos em mãos. Nesse documento, constará o número do Registro Nacional de Veículos Automotores, mais conhecido como RENAVAM.

Após recolher a documentação necessária, o motorista deverá se dirigir até uma das agências bancárias credenciadas. Contudo, para quem desejar uma maior facilidade, é possível quitar o imposto por meio de equipamentos de autoatendimento ou via internet.

Também é importante consultar se, em seu estado, há alguma lotérica da Caixa Econômica Federal que realize o recolhimento do valor. Assim, você poderá usufruir da praticidade sem precisar enfrentar filas extensas.

O IPVA pode ser parcelado?

Se você não está com dinheiro o suficiente para realizar o pagamento do imposto logo no início do ano, saiba que há uma solução. É permitido que o IPVA seja parcelado, por meios oficiais, em até 3 parcelas sucessivas na maior parte dos estados. No entanto, é necessário que a primeira parcela seja recolhida antes do vencimento.

Caso a data do recolhimento seja ultrapassada, seja por motivos de esquecimento ou por algum outro imprevisto que possa ter ocorrido, será obrigatório o pagamento integral do valor cobrado no imposto. Por isso, lembre-se sempre de verificar as datas com antecedência.

No entanto, você sabia que, por meio da Zignet, é possível parcelar os seus débitos veiculares em até 12 vezes no cartão de crédito? Se o dinheiro para pagar o IPVA não está completo no seu bolso e é necessário mais tempo para conseguir quitar a dívida, não deixe de contar com o site!

Pagamento do IPVA por final da placa

Além de estar atento a todos os detalhes mencionados anteriormente, é importante ficar de olho na data do pagamento do seu imposto. Cada um dos estados possui um calendário específico, direcionado de acordo com o final da placa do seu veículo. Confira todos os estados na relação abaixo:

São Paulo

  • final da placa 1: 7 de janeiro
  • final da placa 2: 8 de janeiro
  • final da placa 3: 11 de janeiro
  • final da placa 4: 12 de janeiro
  • final da placa 5: 13 de janeiro
  • final da placa 6: 14 de janeiro
  • final da placa 7: 15 de janeiro
  • final da placa 8: 18 de janeiro
  • final da placa 9: 19 de janeiro
  • final da placa 0: 20 de janeiro

Rio de Janeiro

  • final da placa 1: 22 de janeiro
  • final da placa 2: 25 de janeiro
  • final da placa 3: 26 de janeiro
  • final da placa 4: 27 de janeiro
  • final da placa 5: 28 de janeiro
  • final da placa 6: 29 de janeiro
  • final da placa 7: 01 de fevereiro
  • final da placa 8: 02 de fevereiro
  • final da placa 9: 03 de fevereiro
  • final da placa 0: 21 de janeiro

Minas Gerais

  • final da placa 1: 18 de janeiro
  • final da placa 2: 18 de janeiro
  • final da placa 3: 19 de janeiro
  • final da placa 4: 19 de janeiro
  • final da placa 5: 20 de janeiro
  • final da placa 6: 20 de janeiro
  • final da placa 7: 21 de janeiro
  • final da placa 8: 21 de janeiro
  • final da placa 9: 22 de janeiro
  • final da placa 0: 22 de janeiro

Espírito Santo

  • final da placa 1: 08 de abril
  • final da placa 2: 09 de abril
  • final da placa 3: 13 de abril
  • final da placa 4: 14 de abril
  • final da placa 5: 15 de abril
  • final da placa 6: 16 de abril
  • final da placa 7: 19 de abril
  • final da placa 8: 20 de abril
  • final da placa 9: 22 de abril
  • final da placa 0: 23 de abril

Distrito Federal

  • final da placa 1: 22 de fevereiro
  • final da placa 2: 22 de fevereiro
  • final da placa 3: 23 de fevereiro
  • final da placa 4: 23 de fevereiro
  • final da placa 5: 24 de fevereiro
  • final da placa 6: 24 de fevereiro
  • final da placa 7: 25 de fevereiro
  • final da placa 8: 25 de fevereiro
  • final da placa 9: 26 de fevereiro
  • final da placa 0: 26 de fevereiro

Bahia

  • final da placa 1: 30 de março
  • final da placa 2: 31 de março
  • final da placa 3: 29 de abril
  • final da placa 4: 30 de abril
  • final da placa 5: 27 de maio
  • final da placa 6: 28 de maio
  • final da placa 7: 29 de junho
  • final da placa 8: 30 de junho
  • final da placa 9: 29 de julho
  • final da placa 0: 30 de julho

Ceará

Não há consulta por final de placa. Todos os motoristas deverão pagar o imposto na mesma data.

  • Parcela única: 29 de janeiro
  • Primeira parcela: 10 de fevereiro
  • Segunda parcela: 10 de março
  • Terceira parcela: 12 de abril
  • Quarta parcela: 10 de maio
  • Quinta parcela: 10 de junho

Paraíba

  • final da placa 1: 29 de janeiro
  • final da placa 2: 26 de fevereiro
  • final da placa 3: 31 de março
  • final da placa 4: 30 de abril
  • final da placa 5: 31 de maio
  • final da placa 6: 30 de junho
  • final da placa 7: 30 de julho
  • final da placa 8: 30 de agosto
  • final da placa 9: 30 de outubro
  • final da placa 0: 29 de outubro

Maranhão

  • final da placa 1: 05 de março
  • final da placa 2: 05 de março
  • final da placa 3: 12 de março
  • final da placa 4: 12 de março
  • final da placa 5: 19 de março
  • final da placa 6: 19 de março
  • final da placa 7: 26 de março
  • final da placa 8: 26 de março
  • final da placa 9: 30 de março
  • final da placa 0: 30 de março

Alagoas

  • final da placa 1: 26 de fevereiro
  • final da placa 2: 26 de fevereiro
  • final da placa 3: 31 de março
  • final da placa 4: 31 de março
  • final da placa 5: 30 de abril
  • final da placa 6: 30 de abril
  • final da placa 7: 28 de maio
  • final da placa 8: 28 de maio
  • final da placa 9: 30 de junho
  • final da placa 0: 30 de junho

Sergipe

  • final da placa 1: 31 de março
  • final da placa 2: 31 de março
  • final da placa 3: 30 de abril
  • final da placa 4: 31 de maio
  • final da placa 5: 30 de junho
  • final da placa 6: 30 de julho
  • final da placa 7: 31 de agosto
  • final da placa 8: 30 de setembro
  • final da placa 9: 29 de outubro
  • final da placa 0: 30 de novembro

Rio Grande do Norte

  • final da placa 1: 12 de março
  • final da placa 2: 12 de março
  • final da placa 3: 13 de abril
  • final da placa 4: 13 de abril
  • final da placa 5: 13 de abril
  • final da placa 6: 13 de maio
  • final da placa 7: 13 de maio
  • final da placa 8: 13 de maio
  • final da placa 9: 15 de junho
  • final da placa 0: 15 de junho

Piauí

O Piauí não possui pagamento por final de placa. A sua primeira parcela deve ser, inicialmente, paga até dia 31 de março.

Amapá

No Amapá, não há pagamento por final de placa, visto que é unificado. Sendo assim, a primeira parcela vencerá no dia 15 de março.

Amazonas

  • final da placa 1: 29 de janeiro
  • final da placa 2: 26 de fevereiro
  • final da placa 3: 31 de março
  • final da placa 4: 30 de abril
  • final da placa 5: 31 de maio
  • final da placa 6: 30 de junho
  • final da placa 7: 30 de julho
  • final da placa 8: 31 de agosto
  • final da placa 9: 30 de setembro
  • final da placa 0: 28 de outubro

Acre

  • final da placa 1: 29 de janeiro
  • final da placa 2: 29 de janeiro
  • final da placa 3: 26 de fevereiro
  • final da placa 4: 26 de fevereiro
  • final da placa 5: 31 de março
  • final da placa 6: 30 de abril
  • final da placa 7: 31 de maio
  • final da placa 8: 30 de junho
  • final da placa 9: 30 de julho
  • final da placa 0: 21 de agosto

Tocantins

No Tocantins, não há diferenciação de pagamento por final de placa veicular. Sendo assim, o pagamento da primeira parcela do IPVA se inicia em 15 de janeiro.

Roraima

  • final da placa 1: 29 de janeiro
  • final da placa 2: 26 de fevereiro
  • final da placa 3: 31 de março
  • final da placa 4: 30 de abril
  • final da placa 5: 31 de maio
  • final da placa 6: 30 de junho
  • final da placa 7: 30 de julho
  • final da placa 8: 31 de agosto
  • final da placa 9: 30 de setembro
  • final da placa 0: 29 de outubro

Goiás

  • final da placa 1: 28 de janeiro
  • final da placa 2: 04 de março
  • final da placa 3: 04 de abril
  • final da placa 4: 06 de maio
  • final da placa 5: 06 de junho
  • final da placa 6: 07 de julho
  • final da placa 7: 06 de agosto
  • final da placa 8: 05 de agosto
  • final da placa 9: 09 de setembro
  • final da placa 0: 30 de setembro

Mato Grosso do Sul

O calendário de pagamento do IPVA no Mato Grosso do Sul tem início no dia 29 de janeiro.

Paraná

  • final da placa 1: 18 de janeiro
  • final da placa 2: 18 de janeiro
  • final da placa 3: 19 de janeiro
  • final da placa 4: 19 de janeiro
  • final da placa 5: 20 de janeiro
  • final da placa 6: 20 de janeiro
  • final da placa 7: 21 de janeiro
  • final da placa 8: 21 de janeiro
  • final da placa 9: 22 de janeiro
  • final da placa 0: 22 de janeiro

Santa Catarina

  • final da placa 1: 10 de janeiro
  • final da placa 2: 10 de fevereiro
  • final da placa 3: 10 de março
  • final da placa 4: 10 de abril
  • final da placa 5: 10 de maio
  • final da placa 6: 10 de junho
  • final da placa 7: 10 de julho
  • final da placa 8: 10 de agosto
  • final da placa 9: 10 de setembro
  • final da placa 0: 10 de outubro

Rio Grande do Sul

  • final da placa 1: 01 de abril
  • final da placa 2: 05 de abril
  • final da placa 3: 07 de abril
  • final da placa 4: 09 de abril
  • final da placa 5: 12 de abril
  • final da placa 6: 14 de abril
  • final da placa 7: 16 de abril
  • final da placa 8: 19 de abril
  • final da placa 9: 23 de abril
  • final da placa 0: 26 de abril

Mato Grosso

  • final da placa 1: data limite para o pagamento da primeira parcela em 31 de março.
  • final da placa 2: data limite para o pagamento da primeira parcela em 31 de março.
  • final da placa 3: data limite para o pagamento da primeira parcela em 31 de março.
  • final da placa 4: data limite para o pagamento da primeira parcela em 30 de abril.
  • final da placa 5: data limite para o pagamento da primeira parcela em 30 de abril.
  • final da placa 6: data limite para o pagamento da primeira parcela em 30 de abril.
  • final da placa 7: data limite para o pagamento da primeira parcela em 31 de maio.
  • final da placa 8: data limite para o pagamento da primeira parcela em 31 de maio.
  • final da placa 9: data limite para o pagamento da primeira parcela em 31 de maio.
  • final da placa 0: data limite para o pagamento da primeira parcela em 30 de junho.

Pernambuco

  • final da placa 1: 9 de fevereiro
  • final da placa 2: 9 de fevereiro
  • final da placa 3: 12 de fevereiro
  • final da placa 4: 12 de fevereiro
  • final da placa 5: 19 de fevereiro
  • final da placa 6: 19 de fevereiro
  • final da placa 7: 23 de fevereiro
  • final da placa 8: 23 de fevereiro
  • final da placa 9: 26 de fevereiro
  • final da placa 0: 26 de fevereiro

Parcele seus débitos com a Zignet.